Série Para Lethe  |  2015

Um presente: uma correspondência.
Um bem: uma memória herdada.
Um mal: um segredo.

A partir das questões sugeridas por duas cartas de amor todo o trabalho se constrói
para Lethe, dela (detalhe)
para Lethe, dela (detalhe)

papel de carta, linha 2015

para Lethe, dele
para Lethe, dele

bordado sobre escrita papel de carta, linha 65x22 cm - 2015

s/título
s/título

bordado sobre dedicatória papel, linha 36x26 cm - 2016

s/título
s/título

bordado sobre monograma tecido, linha 14x13 cm - 2016

Pentimento
Pentimento

bordado sobre bordado tecido, linha 2016

s/título
s/título

bordado sobre papel vegetal Porta-retrato antigo e linha 36x26 cm - 2017

s/título (detalhe)
s/título (detalhe)

bordado sobre papel vegetal Porta-retrato antigo e linha

Instante irreparável (detalhe)
Instante irreparável (detalhe)

linha, cabelo 2016

Como velar o que foi desvelado inadvertidamente?

Tempo, memória e esquecimento são conceitos visitados neste trabalho como matéria constitutiva da construção de uma nova escrita.

As cartas são cobertas com uma linha azul, de um azul o mais próximo possível do azul da escrita. Desta forma as palavras se tornam ilegíveis, porém mantém o vestígio de sua existência passada. Os pontos bordados vão compondo com a caligrafia pequenos tracinhos que sugerem uma marcação de passagem do tempo e vão construindo uma nova escrita que se sobrepõe à original.

Vários objetos, parte do acervo de memórias herdadas da família são incorporados ao trabalho.